Blog BIO ACS é vida.

GRUPO A CATEGORIA EM 1º LUGAR

Companheiros Participe do nosso Blog e Sejam Bem Vindos !

ACESSOS ONLINE

VISITAS ONLINE

Total de Acessos em Nosso Blog BIO ACS é Vida.

COMUNICAÇÃO

COMUNICAÇÃO

ASSOCIAÇÃO


PISO

PISO
REAJUSTE JÁ

domingo, 31 de março de 2013

ESTÃO ABERTAS AS SELEÇÕES DE "UBS - UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE, PARA INVESTIMENTOS DO PAC 2.


O prazo para seleções termina no dia 5 de abril


O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) recebe até o dia 05 de abril inscrições de Unidades Básicas de Saúde (UBS) em todo o país para seleção 2013. A meta é criar 1.253 novas unidades e ampliar 5.629 já existentes.
Os investimentos apoiarão a construção de novas UBS com padrão indicado pelo Ministério da Saúde, a ampliação de unidades existentes para alcançar o padrão mínimo ou para aumentar a oferta de serviços. Para participar, os municípios devem possuir unidades próprias, ou seja, os investimentos não poderão ser utilizados para ampliação de unidades alugadas. Os recursos também não poderão ser utilizados para aquisição de equipamentos e mobiliário.
Para o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o programa, agora na segunda etapa, garante mais qualidade no atendimento à população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). “Aquela imagem de que uma Unidade Básica de Saúde do SUS tem que ser um postinho acanhado aonde se entrar um médico não cabe o enfermeiro, se entrar o enfermeiro não cabe o agente de comunidade de saúde. Nós temos que mudar de vez com o SUS, que tenha como grande obsessão a qualidade do atendimento. Por isso, o ministério criou uma linha especifica dentro do PAC2 para ampliação”, afirma o ministro.
Os municípios devem enviar as propostas através do Sistema de Monitoramento de Obras do Ministério da Saúdeaté o dia 5 de abril. Para cadastrar, é necessária a utilização da mesma senha do Fundo Nacional de Saúde.
O PAC – O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), criado em 2007 pelo então presidente Luís Inácio Lula da Silva, objetiva a retomada do planejamento e execução de grandes obras de infraestrutura social, urbana, logística e energética do país, contribuindo para o seu desenvolvimento acelerado e sustentável.
Nos seus primeiros quatro anos, o PAC ajudou a dobrar os investimentos públicos brasileiros, de 1,62% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2006 para 3,27% em 2010, e ajudou o Brasil a gerar um volume recorde de empregos – 8,2 milhões de postos de trabalhos criados no período. Em 2011, o PAC entrou na segunda fase, prevista para ser finalizada em 2014.

FONTE: Jéssica Macêdo/ Blog da Saúde com informações do Portal do PAC

5ª OFICINA REGIONAL DE ORÇAMENTO E FINANÇAS E CONTROLE SOCIAL EM PESQUEIRA-PE.




A Comissão de Análise e Orçamento promove, de 02 a 04 de abril, no Hotel Cruzeiro em Pesqueira-PE, a V Oficina Regional de Orçamento e Finanças e Controle Social, com o objetivo de ampliar a rede de fiscalização do controle social para melhorar a aplicação e controle do orçamento público, para que os recursos da saúde não sejam desviados ou mal gerenciados.
O evento, que é promovido pelo Conselho Estadual de Saúde de Pernambuco (CES-PE), por meio de sua Comissão de Análise e Orçamento e realizado pela Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE), tem parceria com o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE), Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Pernambuco (COSEMS-PE), Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Tribunal de Contas da União (TCU) e Controladoria Geral da União (CGU).
“As oficinas servirão para levar informações aos atores sociais sobre a importância da participação na elaboração e fiscalização do orçamento público da saúde, para isso, fechamos uma parceria inédita no Brasil com o Tribunal de Contas do Estado e a Controladoria Geral da União”, explica a coordenadora da Comissão, Lindinere Ferreira.
Já de acordo com o assessor de finanças e orçamento do CES-PE, Raimundo Gaspar Neto, a iniciativa se configura num espaço para promoção e diálogo acerca da transparência da informação pública, além da atuação de conselhos de políticas públicas como instâncias de controle.
Poderão participar da oficina conselheiros de saúde, conselheiros locais dos hospitais regionais, e funcionários das prefeituras e secretárias municipais de saúde ligados a IV Geres. Os conselhos de saúde ligados a esta Geres podem enviar um (1) gestor, um (1) trabalhador e um (1) usuário, já para os funcionários das prefeituras e secretárias serão disponibilizados três vagas.

 As inscrições podem ser realizadas até 29 de março, pelo endereço eletrônico 

www.ces.saude.pe.gov.br

PROGRAMAÇÃO V OFICINA ORÇAMENTO PESQUEIRA PDF


BIO ACS

A CATEGORIA EM 1º LUGAR.

ABAIXO ASSINADO PELA REGULAMENTAÇÃO DO PISO NACIONAL DOS AGENTES DE SAÚDE.


FOTO: DIVULGAÇÃO.


ABAIXO-ASSINADO: PRESIDENTA DILMA QUEREMOS A REGULAMENTAÇÃO DA EMENDA CONSTITUCIONAL 63/2010, JÁ!

Para: EXCELENTÍSSIMA PRESIDENTA DA REPÚBLICA DILMA ROUSSEFF

Nós agentes de saúde do Brasil, vimos respeitosamente à presença de Vossa Excelência, solicitar que seja enviado um projeto de lei a Câmara Federal ou ao Senado, para regulamentar a Emenda Constitucional nº 63/2010, que versa sobre o piso nacional dos agentes de saúde de todo Brasil.
Não custa lembrar que graças aos agentes de saúde de todo Brasil, diversos programas sociais são executados, a exemplo do Programa Bolsa Família e Programa Saúde na Escola entre outros.
Aos agentes de saúde cabem o papel de maior importância para o Sistema Único de Saúde-SUS, qual seja exercer suas funções como porta de entrada para os SUS, atuando nas áreas mais remotas do País, arriscando inclusive as suas próprias vidas para levar saúde pública às famílias brasileiras.


OBS: AO PREENCHER OS DADOS E ASSINAR, TERÁ QUE IR A CAIXA DE ENTRADA DO E-MAIL PARA CONFORMAR A ASSINATURA.
VAMOS COLOCAR MAIS DE 1 MILHÃO DE ASSINATURAS, NÓS PODEMOS, POIS SOMOS MAIS DE 300.000 MIL  AGENTES DE SAÚDE NO BRASIL.

FONTE: COSMO MARIZ.

MUNICÍPIO TEM ÍNDICE DE INFESTAÇÃO DA DENGUE ACIMA DO ESTIPULADO PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE.



Em Muriaé-MG, índice de infestação de Dengue está acima do estipulado pelo Ministério da Saúde


O índice de infestação da dengue em Muriaé-MG, está acima da referência estipulada pelo Ministério da Saúde, que é de 1%. O Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRAa), divulgado na primeira quinzena deste mês, constatou que o município apresenta 3,8%. 


No LIRAa, foi constatado que os bairros que mais apresentam casos são o Inconfidência, São Francisco, São Pedro e Dornelas. Para diminuir a infestação, segundo o coordenador do Controle de Zoonoses e Endemias, Ademar Pedrosa, o trabalho está sendo intensificado nestes bairros. “Mas estamos agindo em toda a cidade”, ressaltou.


Até o momento, 47 casos já foram confirmados pela Fundação Ezequiel Dias (Funed), em Belo Horizonte e mais de 400 foram notificados. Quatorze deram negativo. “A expectativa é que este número suba, pois esperamos mais respostas da fundação”, disse Ademar. 


O coordenador destacou a importância da parceria da população para o combate ao mosquito transmissor. “Não adianta trabalharmos sozinhos. Temos que realizar um trabalho em conjunto”, afirmou. 


O setor de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde está localizado no Centro Educacional Dom Delfim, situado na Rua Itagiba de Oliveira, Barra. O telefone para contato é o (32) 3729-1301.


COMBATE - Enviado pela Secretaria de Estado de Saúde, o veículo equipado com o UBV pesado – versão mais forte do popular fumacê – chegou a Muriaé na tarde de segunda-feira (25), e na manhã desta terça-feira (26), começou a ser utilizado nas ruas da cidade. O equipamento vem para reforçar os trabalhos de combate à dengue no município, que já vinha trabalhando com o UBV leve, que pode ser utilizado individualmente por agentes de saúde ou instalado em automóveis.


De acordo com o coordenador do Controle de Zoonoses e Endemias, o veículo ficará em Muriaé por no mínimo 30 dias, atuando em dois períodos - das 5h às 9h e das 17h às 21h, horários em que o mosquito Aedes Aegypti se faz mais presente. “Já solicitamos ao Governo de Minas o envio de mais um automóvel equipado com o UBV pesado, a fim de reforçarmos ainda mais o combate à dengue”, informa.


A chegada do novo fumacê é parte da força-tarefa criada pela Prefeitura de Muriaé para combater o avanço da dengue na cidade. Além de utilizar os dois tipos de UBV, a Secretaria Municipal de Saúde já promoveu e ainda vem promovendo diversas ações, como a aquisição do aparelho de hematologia, que realiza exames de sangue com resultados imediatos em pessoas com sintomas da doença; a criação do ponto de apoio para tratamento inicial de pacientes na Unidade Básica de Saúde do bairro São Francisco, ajudando a desafogar o pronto-socorro do Hospital São Paulo; a realização do mutirão “Bota a Dengue Pra Fora” em vários bairros da cidade, coletando materiais inutilizados que possam acumular água parada; e a integração entre os agentes comunitários de saúde e os de controle de endemias, possibilitando mais acesso às residências na busca por focos de proliferação do mosquito transmissor.


O Departamento Municipal de Saneamento Urbano (Demsur) também participa da força-tarefa contra a dengue. Desde o início do ano, a equipe de limpeza urbana vem realizando mutirões de capina e retirada de lixo por toda a cidade. Até o momento, mais de 500 toneladas de resíduos sólidos, incluindo pneus, garrafas e outros itens que podem acumular água parada, já foram recolhidas.


Fonte e foto: Jornal A Notícia

AGENTES DE SAÚDE PARTICIPAM DE CAMINHADA PARA O COMBATE A DENGUE.

MOBILIZAÇÃO CONTRA A DENGUE EM CALDAS NOVAS- FOTO TARCÍSIO ARARUNA - SECOM
Caminhada contou com grande participação da comunidade

A prefeitura de Caldas Novas-GO,  Realizou na manhã desta quarta-feira, 27 de março, caminhada de conscientização contra a dengue. A mobilização foi realizada com parceria da Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia e Departamento Municipal de Endemias. Os humoristas Nilton Pinto e Tom Carvalho foram convidados pela prefeitura para estrelarem campanha de conscientização. 


A caminhada saiu da Avenida “D”, no bairro Parque das Brisas, próximo à base do Corpo de Bombeiros Militar, e percorreu as principais vias do município, passando pela Avenida Antônio Sanches Fernandes (Avenida da Feira), Avenida Coronel Bento de Godoy, até chegar a Praça Mestre Orlando.
A prefeitura de Caldas Novas preparou um panfleto informativo sobre os principais cuidados que os moradores devem tomar para evitar os focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue. O material foi distribuído durante a caminhada para populares e transeuntes.
Para chamar a atenção das crianças, havia até uma “mascote”, um personagem fantasiado de mosquito da dengue, que também deixou o recado de prevenção à doença.
O prefeito Evandro Magal (PP), caminhou todo o percurso ao lado dos vereadores, secretários, agentes comunitários de saúde, agentes de combate a endemias, populares e alunos da Escola Municipal Edith Ala, que representavam toda a rede municipal de ensino.

HUMORISTA TOM CARVALHO, PREFEITO EVANDRO MAGAL E AGENTES COMUNITÁRIO DE SAÚDE - FOTO TARCÍSIO ARARUNA - SECOM
“Nós temos uma missão que é combater a dengue, e esse não é um dever apenas do prefeito, dos vereadores, secretários, mas de toda à população. Não há como combater o mosquito da dengue sozinho, é preciso a união de todos nesta luta. Estamos passando essa mensagem para a população de uma forma fácil e leve, que é o humor. Os humoristas Nilton Pinto e Tom Carvalho vão fazer um show especial para nossos moradores falando de como combater a dengue. É um jeito fácil de transmitir essa mensagem tão importante, contamos com a colaboração de todos, vamos juntos, unidos contra a dengue”, afirmou o prefeito Evandro Magal.
Estavam presentes secretários municipais, líderes comunitários, representantes de entidades classistas, os vereadores Rodrigo Lima (PTB), Marim Pires (PSDB), Sirlande Marceneiro (PSDB), Zélia do Sargento Arlindo (PTC), Gilmar Engenheiro (PSB), Cláudio Costa (PMDB), Marinho da Câmara (PRTB), Wanderson da Concreta (PSL).
Prefeitura adota humor para conscientizar a população

O humorista Tom Carvalho participou da caminhada conversando com populares, distribuindo material educativo e até contando piadas relacionadas à prevenção da dengue.
Os humoristas Nilton Pinto e Tom Carvalho realizaram show na noite desta quarta-feira, com grande presença de público. A apresentação abordou formas criativas e lúdicas de acabar com o vetor do mosquito Aedes Aegypti. A dupla já estrelou uma campanha contra a dengue no município de Goiânia, onde obtiveram grande receptividade da população local.
“Nós já realizamos um trabalho semelhante na conscientização contra a dengue no município de Goiânia, e estamos felizes de poder passar a mesma mensagem aos moradores de Caldas Novas. Vamos usar o humor para mostrar para os moradores todos os prejuízos trazidos pela falta de cuidados com possíveis criadouros do mosquito. O nosso show será voltado para esse tema tão importante”, disse o humorista Tom Carvalho.
Projeto Amigos da Natureza também participou da iniciativa
O projeto Amigos da Natureza, realizado pela Secretaria Municipal de Educação, também participou da programação da caminhada. Os fantoches “Tom e Iza” passaram a mensagem de combate à dengue para crianças da rede municipal de ensino e educação infantil. O prefeito Evandro Magal acompanhou a apresentação dirigida pela profissional da educação, Aldinéia Afonso. O encontro foi realizado na Praça Mestre Orlando, ao final da caminhada.

FONTE: PREFEITURA DE CALDAS NOVAS

sexta-feira, 29 de março de 2013

AGENTES DE SAÚDE QUE FAZEM OUTRAS ATIVIDADES QUE NÃO SÃO DE SUAS ATRIBUIÇÕES EM SEU TRABALHO.


FOTO: DIVULGAÇÃO.

É verdade Companheiros e Companheiras de todo País, Muitos agentes de saúde fazem outros atividades na unidade, Que não são suas atribuições como por exemplo: Abrir e fechar a unidade, varrer, lavar banheiros, ficar na recepção da unidade para atendimento, Aferir pressão, aplicar vacina e entregar medicamento na farmácia entre outros.

Companheiros e Companheiras mesmo que você goste, Digo com toda certeza isto pode ser uma falta muito grave e virá um grande problema na sua vida, Que pode chegar a perde o emprego e até mesmo ser detido entre outros.

O agente de saúde quando faz atividades que não é da sua atribuições ele tira a responsabilidade do município para colocar sobre se, Onde esta responsabilidade pode se torna uma culpa muito seria para ele, Alem de deixa sua micro área descoberta.

Uma das mais perigosas que acho é aferir pressão, aplicar vacina e ficar na farmácia para entregar medicamentos, Se tiver uma fiscalização dos órgãos competentes ou se você por ventura entregar medicamento errado ou tiver alguma complicação com o paciente usuário do medicamento, Acredito que pode ser um problema muito serio para o agente de saúde, sendo descoberto ou tendo uma denúncia.

Queros que todos saibam que o pau só quebra do lado mais fraco e com certeza o lado mais fraco vai ser do agente de saúde envolvido na situação e digo ainda mais não espere defesa da gestão, Por isto digo se alguém perdi para você fazer algum trabalho que não seja da atribuição do agente de saúde, Peça um documento dizendo para você fazer a atividade, Assinado e Carimbado pelo mesmo. AÍ VOCÊ VAI ESCULTAR A RESPOSTA !

BIO ACS

A CATEGORIA EM 1º LUGAR.

AGENTE DE SAÚDE MORRE EM HOSPITAL DEPOIS DE SOFRER ACIDENTE.

acidente em jacobina
FOTO: Bahia Acontece

A vítima retornava da feira livre na garupa da moto do marido quando colidiu com outra motocicleta.

A agente de saúde Sônia Araújo dos Santos, de 40 anos, que residia e trabalhava no povoado de Coxo de Fora, no município de Jacobina-BA, morreu por volta das 13h50 de quinta-feira, 28/03 no Hospital Antônio Teixeira Sobrinho onde deu entrada minutos antes, depois de se envolver numa colisão de motos na BR 324 por volta das 12h40.
Segundo o blog Bahia acontece o acidente aconteceu próximo a curva do Balneário Sombra e Água Fresca, distante cerca de 4 KM da entrada de Jacobina. Sônia viajava no carona da moto Yamaha Cripton, de placa NZI 0837 pilotada pelo esposo Gilvan Araújo dos Santos, no retorno da feira livre da cidade, quando bateu numa moto que trafegava em sentido contrário. De acordo com o irmão de Gilvan, a outra moto teria sido tocada por um veículo de dados não anotados, invadido a contramão e batido na moto do casal.
 Gilvan que trabalha como moto taxista foi atendido e medicado, apresentando lesões pelo corpo. Já o caso de Sônia considerado mais grave. Ela teve fraturas no maxilar, braço e crânio e não resistiu.
 Os condutores dos outros dois veículos envolvidos no acidente não foram identificados e fugiram sem prestar socorro as vítimas. Pelas partes do veículo que ficaram no local, só se pode afirmar que o carro era de cor vinho.

FONTE: Da redação CN/ Informações.

SERVIDOR DA SAÚDE ANTONIEL FERREIRA ESCLARECE QUE IMPOSTO SINDICAL PARA SERVIDORES É INDEVIDO.


Antoniel 


O contracheque on-line de março/2013 está disponível  pude verificar que a SEMGE - Secretaria Municipal de Gestão fez (indevidamente) o desconto do Imposto Sindical, mas o repasse para a conta do SINDICATO somente ocorrerá em maio/2013, daqui a aproximadamente 2 meses, portanto diante das diversas reclamações dos servidores públicos municipais relacionadas a este desconto indevido ainda há tempo para agir.

No dia 15 de janeiro de 2013 foi publicada no DOU  - Diário Oficial da União a IN - Instrução Normativa MTE nº 01/2013 de 14 de Janeiro de 2013, onde você pode ver clicando AQUI, que revogou a IN nº 01/2008 veja clicando AQUI e pôs fim a cobrança do Imposto Sindical no setor público municipal, estadual e federal.

Ao que tudo indica percebe-se que o atual gestor da SEMGE - Secretaria Municipal de Gestão (antiga SEPLAG) desconhece a existência do recente ato normativo federal (IN - MTE nº 01/2013) expedido pelo Ministério do Trabalho e Emprego que revoga esta cobrança no setor público.


Cordialmente,

Antoniel Ferreira Junior



CAMPANHA QUEREMOS NOSSO R$ 19,35 DE VOLTA.
 
FONTE:  blog do  Antoniel veja clicando AQUI

quinta-feira, 28 de março de 2013

AGENTES DE SAÚDE IRÃO CONTRIBUIR PARA BANCO DE DADOS DA DEFESA CIVIL.

                                                      
                              Foto: de Rafael Scheeren Grün
 Agentes de Saúde irão contribuir para criação de banco de dados em Lajedo-RS

                          
Com vistas a ter conhecimento do atual déficit habitacional no município e ajudar a defesa civil na prevenção a catástrofes como deslizamentos, cerca de 80 agentes comunitários de saúde irão colher informações para cadastrar os domicílios que se localizam em áreas de risco. “Já sabemos quais são as áreas de risco, mas não temos as informações de quem reside nestes locais”, afirmou o coordenador da Defesa Civil de Lajeado-RS, José Gabriel Becker. Segundo ele, pela relação de confiança que os agentes mantém com as comunidades, nada melhor que eles ajudarem na coleta das informações.

Por sua vez, a titular da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sthas), Neca Dalmoro, destacou que os agentes irão ajudar a criar um banco de dados que, posteriormente, permitirá à secretaria elaborar projetos de moradias populares e pleitear recursos da União para reduzir o déficit habitacional em Lajeado. “É bom frisarmos que cada família precisa se interessar em sair da condição de residir em uma sub habitação”, menciona Neca. Ela estima que até o fim do primeiro semestre de 2013 as informações já estejam tabuladas, permitindo a criação do banco de dados.


FONTE: GOVERNO DE LAJEDO



PREFEITURA CONFIRMA CORTE DE GRATIFICAÇÃO DE AGENTES DE SAÚDE.


FOTO: DIVULGAÇÃO.

Documento do CONASEMS diz que gestores podem decidir pelo pagamento, contudo, não é obrigatório


A Prefeitura de Registro-SP, não continuará pagando o abono aos agentes comunitários de saúde – ACS. O montante, que era pago, desde 2004, aos profissionais como gratificação, faz parte do pagamento de despesas da atenção básica de saúde, e conforme os técnicos da Secretaria municipal, parte se reverterá aos próprios profissionais, por meio de compra de uniformes, protetores solares, bonés e equipamentos necessários para o bom andamento do trabalho. “Estes recursos, que eram utilizados para o abono, vão servir à melhoraria das condições de trabalho”, diz João Sakô, secretário municipal de saúde.

Conforme o secretário, a gratificação se justificava antes porque a categoria não era reconhecida. Hoje, com a desprecarização, não é mais necessário. Anteriormente, o pagamento do abono salarial não era de responsabilidade da Prefeitura: “Antes era feito pela APAMIR até o concurso público no ano passado”.

A secretária de administração, Débora Goetz, reafirma em documento que: “o incentivo não está vinculado ao pagamento de salários, mas sim ao custeio de implantação da Estratégia Agentes Comunitários de Saúde e precisa ser aplicado em benefício da referida estratégia”. Débora explica ainda, que a forma de aplicação dos recursos deve ser definida pelos gestores municipais, levando em consideração a descentralização do SUS (Lei 8.080/90) e os princípios e normas da Política Nacional de Atenção Básica.

Em documento do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – CONASEMS, o órgão exemplifica: “se os gestores, em negociação com seus trabalhadores decidirem utilizar esses recursos integralmente para o pagamento dos salários dos ACS será perfeitamente legítimo, desde que a decisão seja coerente com a realidade regional e as finanças do município. Isso, contudo, não é obrigatório”.

Reivindicações – Conforme a categoria, o incentivo previsto em lei foi garantido à categoria durante anos pelas gestões anteriores e que o Governo Federal, repassaria o valor de R$ 79 mil teria sido depositado em favor destes trabalhadores para o pagamento do benefício. “É certo de que por oito anos, as gestões anteriores contaram com bom senso e nos destinaram tais valores e pela habitualidade, todos os funcionários contam com os referidos valores para honrar os compromissos já anteriormente firmados”.

A lei 430/2004 – Promulgada pelo ex-prefeito, Samuel Moreira, concedia a concessão de gratificação aos agentes comunitários de saúde com recursos financeiros do Fundo Nacional de Saúde. À época, a gratificação era de R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais), valores que foram corrigidos em todas as gestões passadas.

A gratificação foi transferida do Fundo Nacional de Saúde para o Fundo Municipal de Saúde, em parcela única, em fevereiro de cada ano, conforme Portaria 674/GM, de 03 de Junho de 2003.

Em 2006, essa portaria foi revogada, dentro da resolução 648/2006 que aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes e normas para a organização da Atenção Básica para o Programa Saúde da Família (PSF) e o Programa Agentes Comunitários de Saúde (PACS).
Por Adilson Cabral

FONTE: REGISTRO DIÁRIO.

PREFEITURA DECRETA ESTADO DE ENERGÊNCIA POR CAUSA DA DENGUE E VAI CONTRATAR MAIS AGENTES DE SAÚDE.


Prefeito Damon, ao lado do vice Reginaldo Calixto, baixou Decreto publicado hoje (28). Foto: Ariana Prisca/Via Comercial

A Prefeitura de Itabira-MG, decretou Estado de Emergência motivada pelo avanço da dengue que na semana passada chegou ao índice de alto risco, 4,9% de infestação predial. O recomendado pelo Ministério da Saúde é menos de 1%. A casos em que o índice chega a 50%, como no bairro São Bento. Desde o começo do ano já foram confirmados 51 casos da doença no município e 212 casos suspeitos aguardam análises de exames.

Na prática, o Decreto possibilita a suspensão de licitação, o que agiliza o processo de compra e contratação que exige agilidade em casos extremos, facilitando a urgência de atendimento em situação que possa ocasionar prejuízo ou comprometer a segurança de pessoas, obras, serviços, etc.
Com o Decreto que passa a vigorar à partir desta quinta-feira (28),  a Prefeitura deverá contratar novos agentes. O Decreto terá validade de três meses (90 dias). Em caso de extrema urgência e confirmação da presença do mosquito transmissor da Dengue ou ocorrência da doença na localidade, os agentes sanitários poderão ingressar nas respectivas habitações, terrenos, edifícios ou no estabelecimento de forma compulsória.
Itabira ainda não registrou óbito da doença em 2013, mas a situação de risco já chegou a 35 bairros, todos com índices acima de 1,61%. Agora, a cidade já soma 92 domicílios com focos criadouros do mosquito.
O número de casos confirmados da doença é alarmante pois já é maior do que o mesmo período do ano passado, quando eram contabilizados 13 casos, o que significa uma crescente de quase cinco (5) vezes mais.

FONTE: VIA COMERCIAL

UNIDADES DE SAÚDE DE ABRE AOS SABADOS PARA ATENDER CASO DE DENGUE.

As Unidades de Saúde estarão abertas aos sábados (Foto: Divulgação)
As Unidades de Saúde estarão abertas aos sábados (Foto: Divulgação)

A medida visa desafogar os atendimentos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs)


Desde o dia 23 de março, a Prefeitura de Guarujá-SP, vem mantendo atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (Usafas), entre 8 e 12 horas, somente para atendimento com suspeita de dengue nestes dias.

A medida visa desafogar os atendimentos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), que aumentam com as doenças que surgem nessa época do ano, e a população tenha atendimento próximo a sua residência.

Por conta do feriado prolongado da Semana Santa, excepcionalmente neste sábado (30), as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e as Unidades de Saúde da Família (Usafas) não estarão abertas. Nos demais sábados, as unidades voltam a receber pacientes com suspeita de dengue, das 8 às 12 horas.
Qualquer pessoa que apresente sintomas pertinentes à dengue pode e deve procurar uma das sete Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Prefeitura: UPA Enseada (Avenida Dom Pedro, s/n), UPA Vicente de Carvalho (Rua São João, 111), UPA Matheus Santamaría (PAM Rodoviária – Avenida Santos Dumont, 995), UPA Perequê (Estrada Guarujá-Bertioga, Quilômetros 7 e 8), UPA Santa Cruz dos Navegantes (Rua Antônio Pinto Rodrigues, s/n) e UPA Boa Esperança (Rua Álvaro Leão de Carmelo, s/n – esquina com a Avenida Mário Daige).

Para prevenir novos casos de dengue, a Secretaria de Saúde mantém ações diárias de combate ao mosquito Aedes Aegypti. Nos locais com maiores incidências, a equipe da Coordenadoria de Combate à Dengue está promovendo, aos fins de semana, mutirões nos bairros.

Morrinhos recebeu o mutirão e foram visitadas 2.361 residências, porém 2.108 estavam fechadas. Uma equipe continuará nesta semana em Morrinhos, enquanto as demais vão atuar no Pae Cará.

Por conta do feriado de Páscoa, nesta semana os mutirões começaram na terça (26) e seguem até quinta-feira (28), passando pelos bairros Pae Cará, Jardim Progresso e Vila Áurea.

Os bairros Santa Cruz dos Navegantes, Vila Júlia, Vila Baiana, Cantagalo e Morrinhos já receberam a ação de combate à dengue intensificada. Durante os mutirões, os agentes comunitários de Saúde e do Controle de Endemias percorrem o bairro orientando os moradores, telando as caixas d’água e promovendo ações com larvicida, quando necessário. Além do trabalho casa a casa da equipe da Saúde, a empresa de limpeza urbana também participará com o caminhão do programa Cata Coisa.
Guarujá mantém as ações de combate e controle à dengue continuamente, independentemente de períodos epidêmicos. O objetivo é monitorar o vírus circulante, favorecendo o controle e a diminuição da letalidade da doença.

Exame Rápido

Guarujá também oferece um teste rápido que identifica a doença em até quatro horas. O NS1, como é chamado, está disponível em todas as unidades Básicas, de Saúde da Família e de Pronto Atendimento na Cidade.

Dúvidas ou denúncias podem ser feitas nos telefones 0800-779-8000 ou 3341-6569.  Além disso, é disponibilizado um e-mail para a comunicação:  dengue@guaruja.sp.gov.br.


FONTE: DIÁRIO DO LITORAL.

quarta-feira, 27 de março de 2013

CÂMARA DE VEREADORES APROVA LEI QUE AGENTES DE SAÚDE VÃO GANHAR R$: 1.100,00.




A Câmara Municipal de Campina Grande-PB, aprovou, durante a sessão ordinária desta terça-feira, 26/03, o Projeto de Lei Complementar Nº 004/2013, encaminhado pelo poder executivo através da Procuradoria Geral do Município, que reajusta em 17% o valor dos salários dos agentes comunitários de saúde (ACS) e dos agentes de combate a endemias (ACE).

Na mensagem enviada ao Poder Legislativo, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, destacou que “os agentes comunitários de saúde e de combate às endemias ocupam posto de relevo no cenário da saúde pública municipal, tendo em vista que cabe a eles, de forma especial, levar ações de promoção de saúde e de controle de doenças às comunidades mais distantes”.

Pelo projeto, aprovado pela Câmara, os agentes passam a ter, ainda, os vencimentos reajustados anualmente, como ocorre com os demais servidores públicos municipais, sendo beneficiados com os mesmos índices auferidos por estes.

Ainda na mensagem dirigida aos vereadores, o prefeito ressaltou que, com o aumento de 17%, “nenhum agente comunitário de saúde ou agente de combate a endemias terá um conjunto remuneratório menor do que R$ 1.100,00”. O reajuste é praticamente o dobro do percentual que o Ministério da Saúde recomendou aos municípios brasileiros, que foi de 9%.

Para o procurador geral do município, José Fernandes Mariz, a medida é um reconhecimento do trabalho que está sendo feito pela gestão municipal, com o objetivo de valorizar os servidores públicos, tendo por base sempre o impacto orçamentário-financeiro do Departamento de Orçamento e Contabilidade e os limites de gastos com pessoal estipulado pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

“É um reajuste considerável e que mostra o empenho com que a administração municipal tem tratado essa questão. Os servidores públicos têm sido valorizados e nós, enquanto procuradoria, temos nos esforçado para elaborarmos esses projetos de lei dentro dos requisitos estabelecidos pela legislação”, ressaltou Mariz.


FONTE: CAMPINA

CONSELHEIROS(AS) DE SAÚDE DO PAULISTA-PE, CONCLUI CURSO DE NOÇÕES DE GESTÃO PÚBLICA.




Membros do Conselho Municipal do Paulista e convidados concluíram neste dia, 27/03, O curso " Noções de Gestão Pública", No Auditória do Ministério Publico do Município.

O curso foi realizado neste 26 e 27/03, Pela Escola de Contas Públicas do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, Professor Barreto Guimarães e teve como instrutor André Ricardo Batista.

O curso com muito conteúdo e de suma importância para os Conselheiros(as), Onde eu BIO ACS, Como Conselheiro e participante do curso indico o curso com toda certeza para todos os conselheiros(as).

  • Todo curso e materiais totalmente gratuito.

INFORMAÇÕES:

André Ricardo Batista
EMAIL: andrericardo@tce.pe.gov.bp

ou Pelo fone: (081) 3181 7677.

BIO ACS

A CATEGORIA EM 1º LUGAR.